A Oração

05/10/2016 15:16
Em uma intrigante reportagem de capa alguns anos atrás, uma das principais revistas de notícias divulgou que cerca de quatro em cada cinco adultos dizem orar pelo menos uma vez por semana. Eu dou graças a Deus porque a oração ainda é relevante nos dias de hoje.
 
  Jesus prezava muito a prática da oração. Ele orava regularmente. Os evangelhos relatam que ele subia ao monte para orar sozinho. Jesus ensinava por palavras e ações. Ele tinha autoridade para tratar desse assunto. Seus discípulos reconheceram isso e lhe pediram: “Senhor, ensina-nos a orar” (Lc 11.1), e ele o fez de bom grado. Assim, Jesus estabeleceu os padrões para a vida de seus seguidores em seu famoso Sermão do Monte. A habilidade de orar efetivamente está entre as práticas que honram a Deus e que é esperada dos seguidores de Cristo.
 
  A oração deve ser um hábito na vida das pessoas. Elas devem pensar na oração menos como uma atividade para Deus e mais como uma consciência de Deus. Devem reconhecer a presença dele onde estiverem: em casa, no trabalho, na fila do banco etc. Compartilhe com Deus durante todo o dia, todos os dias. Ore sobre tudo. Inclua todas as suas necessidades, tudo o que envolve as coisas relacionadas ao seu coração, à sua vida, ao seu casamento, à sua família, à sua igreja, ao seu trabalho, ao mundo em geral. Deus está interessado em ouvir o que você tem a dizer.
 
  Então ore mais. Fique perto de Deus. Converse com ele. Deixe que ele entre em sua vida.
 
  Você pode falar com Deus porque ele ouve. Ele leva você muito a sério. Não precisa ter medo de ser ignorado. Você é alguém para Deus. Você tem acesso a ele. Quando você fala, ele escuta. As palavras que você diz não param até que alcancem o próprio trono de Deus. Ainda que você gagueje ou tropece, mesmo se o que você tem a dizer não impressione ninguém, certamente impressiona a Deus — e ele ouve.
 
  Consciente de que sua voz é importante no céu, quero convidar você a exercitar diariamente sua vida de oração. Faça disso uma rotina. Comece e termine o seu dia com esse espírito de comunicação com o Deus de amor revelado em Jesus de Nazaré.
 
 
Max Lucado